Aline Cardoso visita UBRA, o novo serviço de transportes da Brasilândia

A vereadora Aline Cardoso esteve hoje (24) na sede da UBRA, uma iniciativa de empreendedores da região da Brasilândia, que criaram um serviço de transportes para atender bairros que os aplicativos como o Uber (que inspirou o nome do empreendimento) não atendem.

Alvimar da Silva, um dos idealizadores, conta que já transportava pessoas que precisavam ir ao médico, fazer compras ou outras coisas do tipo, mas não conseguiam chamar táxis, porque eles não acessam os bairros mais distantes. “Especialmente os jovens, que querem voltar de madrugada para casa, ou idosos que precisam se locomover, encontram muita dificuldade. Foi vendo essa situação que tivemos a ideia”, conta.

Até mesmo a vereadora diz já ter vivido esse tipo de situação. “Eu que estou sempre na região já peguei motoristas de táxi ou de aplicativo que não entram em alguns lugares. Para chamar daqui para outro lugar então é mais difícil ainda”, comentou Aline.

Por enquanto a UBRA trabalha de forma amadora. Recebem os pedidos de corridas por telefone ou via watsapp e anotam em uma lousa improvisada. Mas a iniciativa cresce rápido. “Já somos mais de 30 motoristas cadastrados”, comemora Alvimar. Ele explica que cobram 20% do valor da corrida, valor semelhante ao que os aplicativos que funcionam na cidade de São Paulo praticam.

Com a visibilidade da iniciativa, os empreendedores da UBRA têm recebido apoio de muitos interessados. Uma empresa carioca de aplicativos já doou a tecnologia para que, em breve, eles operem como os concorrentes.

Para Aline Cardoso, iniciativas como essa precisam ser valorizadas. “Sou uma grande entusiasta do empreendedorismo, da inovação e da economia criativa, e por isso me identifiquei muito. Coloquei meu mandato à disposição para ajudá-los na consolidação e formalização do negócio. Serei uma apoiadora e usuária com certeza”, concluiu.

*Na semana seguinte à visita a vereadora falou à TV Câmara sobre a UBRA. Assista abaixo: